Festa solidária na Casa de Bamba vai arrecadar fundos para pediatria do HUM

retro-floracao

Está marcada para o dia 29 de setembro a II Festa Retro Solidário – Floração. A ideia é arrecadar fundos para dar apoio ao setor de pediatria do Hospital Universitário de Maringá.

Segundo Raquel Hemriques, chefe da Pediatria, as enfermarias estão precisando se adequar às necessidades dos pacientes. “Eles precisam de distração, recreação e ações educativas que são sempre realizadas no hospital, porém sem a tecnologia adequada”, explicou.

A proposta, então, é equipar todas as enfermarias pediátricas, do internamento e do pronto socorro. São necessários televisões e aparelhos de DVD para que se possa dar apoio às atividades lúdicas e pedagógicas na instituição. “Muitas vezes, as mães trazem filmes em DVD ou disquetes e não temos como reproduzir aqui, inclusive, para as atividades recreativas e educacionais”, completou a enfermeira chefe.

A equipe já conseguiu a doação de duas televisões digitais e dois DVD, que serão entregues pela Loja Maçônica Colunas da União e pela Veluduo Eventos. A última é uma empresa de organização de formaturas de Maringá, “que tem a ação social como um dos pilares do empreendimento”, disse a proprietária, Veridiana Duarte.

“Ao todo, precisamos de sete televisões com entrada USB e sete aparelhos de DVD, que serão distribuídos pelas cinco enfermarias do internamento da pediatria e uma do pronto socorro. A sétima será acoplada a um móvel para que possa ser levada para diferentes locais dentro do hospital, como o solário e os corredores, e dar apoio a eventos específicos da pediatria. Por isso, estamos organizando a festa Retro Solidário, no fim do mês, na Casa de Bamba, em Maringá, que também entrou como parceira. Os ingressos custam R$ 25, se forem comprados antecipadamente”, explicou Miriam Bardeja, presidente da Associação dos Amigos do HU (AAHU), que está na organização do evento, junto com Raquel Henriques e a professora da Pedagogia Hospitalar, Meire Calegari.

Para adquirir os convites é necessário entrar em contato com uma das seguintes pessoas do HUM: Raquel Henriques ou doutor Edson Arpini, no telefone (44) 3011-9107; Meire Calegari, no telefone 3011-9430, ou com Mirian Bardeja, da AAHU, no número (44) 2101-9100.